Categoria: GOSTOSURAS

Carnaval de sabores

Eu só quero ser feliz nesse boteco tijucano! Em 1987, Antonio Lopes dos Santos, o Tonhão, comprou um botequim de um Rei Momo. Nada mais natural, portanto, que o batizasse de Bar do Momo. A fama do lugar foi se espalhando com a feijoada servida às sextas-feiras, mas explodiu mesmo quando o filho, Toninho Laffargue, assumiu a cozinha. Para abrir o apetite, pastéis, sardinhas fritas e bolinhos de bacalhau. Entre os sucessos do cardápio com nomes inventivos, estão o “Eu só quero ser feliz”, misto-quente de joelho de porco defumado, creme de cheddar, picles e mostarda na torrada Petrópolis,...

Read More

Boteco mitológico

Chope é tirado na mesma torneira original de bronze há mais de seis décadas Os apetitosos bolinhos de bacalhau e o chope geladíssimo fizeram a fama do Adônis, um verdadeiro mito em Benfica. Cariocas de todos os cantos, além de turistas, rumam até o bairro em busca das especialidades oferecidas pelo típico botequim carioca, fundado em 1952. Até hoje, o chope é tirado na antiga torneira de bronze, após passar por uma serpentina de 90 metros de comprimento, coberta de gelo, até chegar às tulipas, calderetas ou garotinhos, com um colarinho perfeito. E, para acompanhar a bebida, nada melhor...

Read More

Sotaque Lusitano

Sobrado onde morou Portinari é a mais antiga adega da cidade Considerado patrimônio cultural carioca pela Prefeitura, o estabelecimento inaugurado em 1938, no mesmo prédio em que morou o pintor Candido Portinari, ostenta o título de adega mais antiga da cidade. No auge da boemia na Lapa, a mercearia na Rua Teotônio Regadas reunia grupos atraídos pelos bons vinhos e por petiscos degustados em volta de barris. Com o passar dos anos, o armazém deu lugar à Adega Flor de Coimbra, referência de gastronomia portuguesa, com decoração retrô original. Hoje, a clientela – entre eles o pianista Nelson Freire...

Read More